domingo, 5 de setembro de 2010

Independência ou morte!


Aproveitando que estamos na véspera de um feriado, também conhecido como o dia da Independência. A  Drops aproveita para falar um pouco sobre  independência, dominação e evidentemente, sobre Brasil


Brava gente brasileira!
Longe vá... temor servil:
Ou ficar a pátria livre
Ou morrer pelo Brasil.

Já se passaram quase dois séculos desde o dia em que Dom Pedro às margens do Ipiranga, pressionado e motivado por uma série de fatores políticos, decretou a Independência. E foi nesse dia 7 de setembro de 1822 que supostamente começa a história de uma colônia recém emancipada chamada Brasil.


Brasil
Mostra tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Brasil
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim

Quase duzentos anos depois de nossa emancipação, será que esse feriado faz tanto sentido assim? Será que verdadeiramente somos uma nação independente? Não seria a independência uma utopia? Não seria uma utopia pensar que um dia deixaremos de depender economicamente de nações hegemônicas? Não seria uma ilusão pensar que uma dia valorizaremos nossa cultura tanto quanto ou mais que culturas estrangeiras?


Parabéns, ó brasileiro,
Já, com garbo varonil,
Do universo entre as nações
Resplandece a do Brasil.

Não acredito que seja uma utopia todas essas coisas, pois quando pensamos assim deixamos de acreditar. Mas, acredito que seja um sonho, que vale a pena ser sonhado por todos os brasileiros. Afinal,  “quando se sonha sozinho é apenas um sonho. Quando se sonha juntos é o começo da realidade” – Dom Quixote.

Brasil
Mostra tua cara
Quero ver quem paga
Pra gente ficar assim
Brasil
Qual é o teu negócio?
O nome do teu sócio?
Confia em mim






Ana Paula Nunes é jornalista, Pós-graduanda em Mídia, Informação e Cultura pela Universidade de São Paulo/USP. Editora assistente e Coordenadora de Comunicação da Contemporâneos - Revista de Artes e Humanidades. Escreve aos domingos na ContemporARTES.

1 comentários:

SIMONE ALVES PEDERSEN disse...

Só a Reforma Tributária pode salvar esse país. Sem ter como esconder os frutos da corrupção, a desonestidade será coibida. Também não acho utopia, visto que em outros países - poucos, eu sei - funciona, mas se considerarmos que a Receita Federal é super hiper extremamente eficiente quando convem, tudo se torna possível. Claro, um legislativo mais eficiente (finalmente estamos digitalizando esse Poder); isso tudo serve para conter o problema atual e o futuro sem problemas depende da educação ofertada. É pouco tempo na história de um país, mas considerando a evolução da humanidade, é tempo mais que suficiente, nessa era globalizada, de sabermos onde estamos errando. Pobres brasileiros, indianos, africanos e tantos outros povos que ainda vivem em condições assim. Isso tudo para comentar que logo após 7 de setembro vem 3 de outubro e PELO AMOR DE DEUS, vamos votar com responsabilidade!Democracia é isso, independencia não só política, sócio e economica, mas independencia de PENSAR!

6 de setembro de 2010 10:49

Postar um comentário

Seja educado. Comentários de teor ofensivo serão deletados.