segunda-feira, 27 de abril de 2015

FLASHBACK LITERÁRIO (2011)



FLASHBACK LITERÁRIO (2011)


Abraços Literários e até +.



7 comentários:

JM della Rosa disse...

Show! Carrega o DNA de Geraldo Trombin.

27 de abril de 2015 08:56
edweinels disse...

Fantastico, amigo! Parabens!

27 de abril de 2015 09:06
geraldo trombin disse...

Valeu, JM! Valeu, Ed! Outro dos tempos idos ainda... Carregadão (rsss) Abração

27 de abril de 2015 09:13
Angela Fonseca disse...

Talvez resgatar a porção infante, que tal? É a mais leve e espontânea. Todo poeta deveria... Belo poema. Abreijos.

27 de abril de 2015 10:28
geraldo trombin disse...

Verdade, Angela... Porção infante é tudo de bom... Precisamos degustar mais. Obrigado!

27 de abril de 2015 10:35
Anônimo disse...

Apreciei mais os dois blocos finais de versos por serem mais livres e claros e não rebuscados como os iniciais. Pelos dois momentos serem contrastantes, valorizei mais aquele que facilitou minha leitura.

Deva

Deva

27 de abril de 2015 12:06
geraldo trombin disse...

Legal, Deva. Obrigado pela análise... E vamos poetando... abração

27 de abril de 2015 13:01

Postar um comentário

Seja educado. Comentários de teor ofensivo serão deletados.