sábado, 12 de setembro de 2009

Drops Cultural da Banharoli - apresentando Cris Dakinis






Aconselho pegar a agenda e tomar nota das atividades culturais, abaixo, para não perder e se arrepender depois.

Hoje, das 10h às 19h – apresentação da banda Poucas Trancas, na Flic – Feira Livre de Cultura, na Zona Leste de São Paulo. Quem for pode aproveitar a feira de livros a preços mais acessíveis. Praça Mario Bulcão, Vila Califórnia.
15, terça-feira – Estive em Lisboa e lembrei de você, romance de Luiz Ruffato, pela Cia das Letras. Livraria Cultura, Conjunto Nacional. Av.Paulista, 2073, SP, às 19h.
18/19, sexta das 11h30 às 21h e sábado das 9h30 às 19h – Feira de Troca Livros, no Sesc Santo André.
20,domingo – Festival de Cenas Curtas de Paranapiacaba é um encontro entre artistas das vertentes cênicas. Informações
http://www.arca-cidadãosartistas.blogspot.com.br/

Apresento hoje, Cris Dakinis



O LIVRO DO MUNDO


Por Cris Dakinis

Chego em casa e meu filho anuncia que escreveu um livro: “O Livro do Mundo”. O nome é sugestivo... Penso comigo que deve ser algo sobre animais, plantas, ou seja, coisas que ele deve conceber ser o mundo. Talvez seu quarto esteja desenhado ali; o pai, o avô... De logo, encontro-me absorta com os desenhos e as anotações que ele exibe e reflito: aos seis anos eu desenhava casas e árvores; gatos e cachorros; gente com corpo-de-palito e florezinhas...
Meu filho desenhou o planeta Terra com lágrimas saltando da parte líquida do globo e explica ao apontar para a palavra abaixo do desenho: “chorando”. Daí segue-se, a cada página do seu livro, uma sequência de desenhos a respeito da preservação do meio ambiente. Eu cismo...
O fato do ser humano ter degradado o planeta em aproximadamente pouco mais de um século onerou-nos dessa responsabilidade __ ou irresponsabilidade __ que é proposta aos herdeiros da Terra: às crianças. A elas entregamos o encargo de encontrar soluções __ às detentoras de criatividade. Há de se criar, ou melhor, recriar o mundo, que é também delas e será de seus descendentes. Mas que mundo lhes passamos?
Lembro-me, quando na escola, de termos discutido sobre os perigos do aquecimento global, mas não era tema que nos propusesse inspirações para desenhos nas horas livres. Havia alertas sobre a poluição do meio ambiente, entretanto, não debatíamos, por exemplo, sobre o destino das garrafas “pet” de plástico, até porque, isso nem existia, pois as garrafas de refrigerante eram de vidro. Quando as garrafas plásticas surgiram no mercado, disseram-nos que eram mais práticas e econômicas. Ninguém sabia que não eram biodegradáveis. Lá em casa, ninguém sabia, não! Voltávamos do supermercado com sacolas de papel, cujas alças eram resistentes e as aproveitávamos para usos posteriores. Quando surgiram as sacolas plásticas, a idéia era de que eram mais higiênicas e práticas. O descartável era o “ideal”. Nunca mais vi copinhos de refrigerante feitos de papel em festas infantis. Lenços de tecido? Jamais! Os lenços descartáveis eram bem mais higiênicos! Tudo passou a ser descartável... E agora vejo meu filho beber água e despejar o que sobra no copo num vaso de planta para aproveitar a água. Está certo! Só não entendo por que não fizemos isso antes de poluirmos o planeta todo.
Voltando ao “Livro do Mundo”... Os desenhos ao longo das páginas ilustram a separação do lixo por lixeiras coloridas. Em cada uma delas, o material apropriado é desenhado entrando pelas lixeiras adentro... Devo admitir que os desenhos são lindos, mas que eu preferia ver meu filho desenhando um pássaro ou uma floresta... No entanto, entendo que é chegado o tempo de consertar: reutilizar e reciclar (ele fala em reciclar como eu falava em pedalar minha bicicleta quando possuía sua idade). Há no livro também: pneus, pedaços de troncos e latinhas de conservas. __ tudo amontoado junto a uma lagoa cinzenta cheia de mosquitos riscada por um enorme X __ o proibido, o que não devemos fazer. Noutra página, encontro o desenho de uma vassoura __ ela sozinha na página. Debaixo dela está escrito: “Mundo Limpo”. Afinal, eu vejo desenhos animadores e coloridos: o mundo sorrindo e uma imensa lagoa com peixes coloridos; o texto diz: “Mundo Feliz”.
Volto a acreditar num mundo lindo, porque seus herdeiros estão empenhados em solucionar os desafios da degradação do meio ambiente e já não me sinto culpada de beber meus oito copos de água ao dia (sem desperdiçá-los!).
Em vários lares, eu creio, há crianças desenhando, criando e recriando o mundo que possuímos um dia. “O LIVRO DO MUNDO” tem um final feliz. Que alívio para todos nós!
Cris Dakini


Caríssimos,


venho comunicar dois eventos, que em muito me honram para o mês de setembro: Posse de Cris Dakinis como membro correspondente representando a cidade de São Pedro da Aldeia na Academia Cabista: Academia Cabista:


*Cerimônia de posse dos Membros Correspondente da Academia Cabista de Letras, Artes e


*Ciências de Arraial do Cabo-RJ.


*Entrega do título de Honra ao Mérito Cultural da ACLAC.


*Coral Marearte.


*Poesia.

*Lançamento da Antologia Lítero-Cabista da ACLAC no valor de 20 reais.*Local: Espaço de Exposição Amazônia Azul (Referência em frente aoMuseu Oceanográfico da Marinha. Bairro: Praia do Anjos. Cidade:Arraial do Cabo-RJ.*Horário: 18:30.*Data: 05/09/09.


******** Entrega de Prêmios e Menções Honrosa pelo Segundo Concurso de Novela "Los Jóvenes del MERCOSUR" com a apresentação das obras publicadas. Minha Novela juvenil: "A Menina do Vestido de Plástico" receberá sua Menção Honrosa na ocasião que se dará em: 17 de setembro às 19:30, na abertura da Feira do Livro de Córdoba, Praça San Martín, Argentina.


Saudações a todos os amigos, Cris

Cris Dakinis é o nome artístico de Ana Cristina Mendes Gomes, nascida em 13/12/1966. Formada em língua inglesa e premiada desde meados de 2007 em concursos literários, publicou seu primeiro livro, de poesia, em 2008: “Por Arte de Magia”. Em 2009, sua novela juvenil “A Menina do Vestido de Plástico” recebe Menção Honrosa na Argentina. Membro Correspondente da Academia de Letras de Arraial do Cabo/RJ, representando a cidade de São Pedro da Aldeia, a autora escreve para sua página: http://www.crisdakinis.com/ e para alguns sites literários.
crisdakinis@gmail.com

1 comentários:

Carolina Mendes disse...

Adorei o Blog, adorei a dedicação para a autora que mais admiro em todas as suas formas.. Parabéns, mamãe, pelo espaço que conquistou.
E aproveitando, me tornei leitora daqui também ;)

Carolina Mendes.

15 de setembro de 2009 12:47

Postar um comentário

Seja educado. Comentários de teor ofensivo serão deletados.