quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

VALENTINA, A FOTÓGRAFA.




Valentina, é um dos personagens femininos mais famosos   da história em quadrinhos, mas poucos se lembram de sua profissão: Valentina Rosselli é fotógrafa e tem seu estúdio em Milão. Sua profissão  não é tratada superficialmente nos desenhos, ao invés disso, Guido Crepax (1933 - 2003), seu autor, tem um design cuidadoso com os equipamentos de estúdio e câmeras.
Embora ela goste de renomear os equipamentos com nomes de fantasia, como não  reconhecer a Rollei TLR, a Kodak e Nikon nos desenhos?  Valentina não descuida da forma como empunha e mantém sua câmera, como muitas vezes é esquecido nos detalhes de um filme, onde é fácil ver que o ator nunca tinha visto uma câmera em sua vida.


Valentina é retratada em sua cidade natal de Milão, que percorre através do metrô, de carro ou bicicleta. Crepax retrata a cidade visualmente, incluindo os sons e ruídos. Ela também testemunhou três décadas de mudanças e transformações na formas de se vestir que refletem os modelos das revistas Elle e Vogue.



Valentina nasceu em 1965, um equilíbrio perfeito entre uma mulher real e um símbolo da transgressão: o rosto famoso com os traços de sua personalidade são inspirados na atriz Louise Brooks, estrela do cinema mudo e personagem principal de "Lulu" de Georg Wilhelm Pabst (1928).





Além da cultura - política, ideológica e estética do seu autor - Valentina encarna uma espécie de "zeitgeist", o espírito da época da sociedade italiana através das grandes mudanças ocorridas entre os anos sessenta e oitenta. Suas tiras continham uma forte dose de erotismo, e um filme chamado "Baba Yaga" foi feito em 1973, baseado em sua obra.




  Louise Brooks, atriz do cinema mudo que inspirou a personagem Valentina.





           Izabel Liviski é Fotógrafa e Mestre em Sociologia pela UFPR. Pesquisadora de História da Arte, Sociologia da Imagem e Antropologia Visual. Escreve quinzenalmente às 5as feiras na Revista ContemporArtes.











2 comentários:

Altair de Oliveira disse...

Nossa, Izabel, adorei ver a Valentina por aqui! Curto demais ela...hê! Um desenho de quadrinho que a gente usa como musa, divina! Tenho até um livro dela aqui com algumas histórias!!!

26 de janeiro de 2011 21:51
Marina Rosmaninho disse...

muito legal mesmo! adorei a valentina!

23 de fevereiro de 2011 13:42

Postar um comentário

Seja educado. Comentários de teor ofensivo serão deletados.