segunda-feira, 13 de agosto de 2012

1º LUGAR NO CONCURSO DE TROVAS EM VITÓRIA - ES





Nasce um trovador em tempos atuais

Escritor e colaborador do jornal LIBERAL, Geraldo Trombin,
vence “Concurso Brasileiro de Poetas Trovadores’ no Espírito Santo

Entrevista ao Jornalista Luciano Assis – Jornal O Liberal – Americana – SP

1 - Como foi que você chegou ao concurso?

Vi uma breve notícia na Internet divulgando o CONCURSO NACIONAL/INTERNACIONAL DE TROVAS 2012 e logo solicitei o regulamento ao Presidente do Clube dos Trovadores Capixabas – o Sr. Clério José Borges de Sant’Anna – exímio trovador reconhecido nacionalmente e também grande disseminador da arte.

2 – Qual a sua relação com a literatura dos trovadores?

Gosto de desafios, gosto de experimentar a escrita. Já fiz Poetrix, Haicai, Aldravia, Soneto, Indriso etc. Há mais de um ano, comecei a exercitar a Trova, essa composição poética que, aparentemente simples, acho bem complexa e difícil de fazer, pois você tem que se expressar em apenas 4 versos (linhas) setessilábicos, rimando o 1º com o 3º e o 2º com o 4º, tendo um sentido completo. Errei muito, demorei a entender a técnica, às vezes ainda tenho dúvidas quanto à elaboração, mas, pelo resultado desse concurso, acredito que estou no caminho certo do aprendizado.

3 – O poema vencedor é novo ou você já o tinha há tempos?



A trova não tem título, mas “Anzóis”, como eu denominei a obra vencedora, foi criada em 04 de maio deste ano, especificamente para participar desse concurso, baseado no tema proposto: Pescadores. Além do ineditismo, era obrigatório constar a palavra-tema na composição.
Vale lembrar que esse concurso, que contou com o apoio da Secretaria de Cultura da Prefeitura Municipal de Vitória e da Escola de Teatro, Dança e Música da FAFI (Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras) tinha duas categorias: uma para trovadores domiciliados no Espírito Santo e outra para os domiciliados nas demais cidades do Brasil e Exterior, sendo que, na que eu participei – a Nacional/Internacional, foram recebidas 498 trovas, de 166 poetas trovadores de diferentes estados brasileiros e até de Portugal.

4 – Você continua participando de concursos literários pelo Brasil? Qual a importância disso para você como escritor?

Sim, continuo na maratona (risos), e este ano também está sendo muito promissor nessa área. Isso dá visibilidade ao meu trabalho. Por exemplo: por coincidência, na mesma noite da premiação em Vitória (ES), dois textos meus também eram premiados no III Concurso Literário “PÉROLAS DA LITERATURA” – EDIÇÃO 2012, na cidade do Guarujá, SP. Nesse concurso, “Meu Mapa-Mundi Astral” recebeu menção honrosa na modalidade poesia – categoria Adulto; e “O Espelho” conquistou o 1º lugar na modalidade crônica – categoria Adulto.  Infelizmente, não deu para participar da premiação.
Outro acontecimento importante que eu gostaria de citar ocorreu em maio passado nos Jogos Florais do Clube de Futebol Os Bonjoanenses de Faro – Portugal, onde o meu conto “O MARUJO, A CASINHA DO CARAMUJO E AS PROCELAS” classificou-se em 1º lugar na modalidade Prosa (Conto), tendo ainda no segundo e terceiro lugares outros dois brasileiros, um deles, um amigo virtual.
Por esses poucos exemplos, dá para perceber que estou projetando o meu nome e sobrenome em várias partes do país e até no exterior, tornando assim o meu trabalho conhecido no meio.



5 – Como foi a estadia em Vitória durante o final de semana?


A premiação dos classificados do concurso aconteceu em sessão solene no dia 27 de julho, na abertura do IX CONGRESSO BRASILEIRO DE POETAS TROVADORES, em comemoração ao 32º Aniversário do CTC – Clube dos Trovadores Capixabas, com muitas atividades: palestras, exposições, homenagens a personalidades do Estado e do Município e entidades Culturais, entrega do troféu ao Trovador do Ano, show, performance e apresentação literomusical.
No dia 28 aconteceu a importante reinauguração da Praça dos Trovadores, na Enseada do Suá, onde a minha trova e de todos os premiados foram gravadas em placas e afixadas em seus bancos, colocando mais uma vez em evidência o nosso nome e o nosso trabalho. Além disso, aconteceu também um Concurso Relâmpago de Trovas, Sarau Poético, lançamento de livros, novas homenagens a personalidades, artistas, poetas e escritores capixabas, entrevista dos trovadores premiados para a TV local, encerrando a noite com a Serenata dos Trovadores.
No domingo, passeio de Escuna pela Baía de Vitória com Celebração Ecumênica, Premiação do Concurso Relâmpago e churrasco de confraternização encerrando o Congresso.


Em Vitória, ao lado da amiga Cecília dei Santi (esq.) e da mãe Pierina Olivato Trombin (dir.)


Abraços Literários e até +


23 comentários:

edweinels disse...

Louros merecidamente colhidos por um grande escritor. Parabens, Geraldo Trombin: continue nos brindando com suas criacoes literarias, amigo.

13 de agosto de 2012 08:46
Ana Dietrich disse...

que lindo os anzóis... lindo lindo lindo, emocionei. parabéns por essa bela conquista. abraços

13 de agosto de 2012 09:30
Olivaldo Júnior disse...

Parabéns, Geraldo, pelas premiações. Foi muito bom recebê-lo como um dos premiados no Concurso de Poesia Carlos Cezar, da Casa do Escritor e UBT - Seção Moji Guaçu, SP maio passado.

13 de agosto de 2012 09:37
leila seleguini disse...

Parabéns,é impressionante como você sabe juntar na rede as palavras pescadas!!! Um grande abraço!

13 de agosto de 2012 10:12
Denivaldo Piaia disse...

Eita coisa gostosa! Parabéns de novo.

13 de agosto de 2012 12:24
Mariângela disse...

Maravilha, Ge! Parabéns!!

13 de agosto de 2012 12:44
Anônimo disse...

Que bom começar a segunda feira com tantas noticias boas, vindo de uma pessoa admirável como você. Parabéns Geraldo. Pescou bem! Continue. Você tem talento.
Marilene

13 de agosto de 2012 13:08
Anônimo disse...


Voce é um grande pescador de palavras no mundo literário.
Parabéns sempre.
Izabel

13 de agosto de 2012 13:21
Vera Seleto disse...

Adoro ler seus trabalhos literários. Poucas palavras que tudo falam.
É muito difícil ser sucinto. É um dom ou talvez muito treino. É a característica da escrita de cada um. Mil vezes parabéns. Um grande abraço, Vera Seleto

13 de agosto de 2012 14:37
Cris Dakinis disse...

Ah! Eu já tinha visto e curtido essa boa nova no Face! Que maravilha! Parabéns, Amigo campeão!!! :)

13 de agosto de 2012 15:31
geraldo trombin disse...

Ed, Ana, Olivaldo, Leila, Piaia, Mariângela, Marinele, Izabel, Vera, Cris...
Obrigado a todos pelas palavras carinhosas...

13 de agosto de 2012 15:36
Edelson Nagues disse...

Bela trova e entrevista interessante, Geraldo. A projeção do seu nome é um reflexo da indiscutível qualidade do seu trabalho. Parabéns!

13 de agosto de 2012 22:17
Jussára C Godinho disse...

Mais uma vez e mil vezes parabéns, amigo! Prêmios mais do que merecidos!

13 de agosto de 2012 22:33
geraldo trombin disse...

Edelson, Jussara, Obrigado. E continuamos plantando... Sempre.... Abraços

14 de agosto de 2012 07:48
Anônimo disse...

Você fisgou todo mundo com suas econômicas e panorâmicas palavras. Soube condensar em 4 linhas o conteúdo e talvez o grande sentido de toda uma vida. Sinto-me um lambari nessa água límpida e gostosa de viajar!!!
Seu admirador arNônimo (mas nem tanto).
Bravíííííssimo!!!!!!!

14 de agosto de 2012 11:16
geraldo trombin disse...

ehhhh arNômimo... gracias pelo comentário tão alucinado, alucinante... rss

14 de agosto de 2012 16:06
Maria Angela disse...

Geraldo,
Parabéns, mais uma vez. Espero que mais "trocentas" vezes eu tenha que lhe parabenizar por mais conquistas neste maravilhoso mundo literário.
Abraços, Maria Angela

14 de agosto de 2012 19:25
geraldo trombin disse...

Obrigado pela torcida, Maria Angela.... e vamos porsseguindo... abraços

14 de agosto de 2012 20:14
geraldo trombin disse...

ops... prosseguindo... rss

14 de agosto de 2012 22:42
Anônimo disse...

Prêmios são sempre bem-vindos. Este talvez lhe seja mais especial no momento. Apenas no momento, pois outros virão merecidamente. Mais que inspiração, poesia é dedicação, algo que você leva com toda a tranquilidade e também com a leveza sábia presente em sua trova vencedora.

Parabéns, trovador!

Deva

15 de agosto de 2012 11:56
geraldo trombin disse...

dedicação e disciplina têm trazido, além de certo aperfeiçoamento, grandes resultados... Coroação dos textos que, muitas vezes, acho que nem fui eu quem os escreveu... acho que apenas transcrevi... rss.. Obrigado Deva e a todos os amigos pelo grande incentivo... e vamos trabalhando, burilando e seguindo...

15 de agosto de 2012 14:07
Lilly Araújo disse...

Parabéns GERALDO!!

Eu não sei fazer trovas, mas também não sei muita coisa, por isso nada melhor que ter amigos talentosos que nos ensinam todos os dias coisas novas e belas!!

18 de agosto de 2012 00:18
geraldo trombin disse...

Obrigado, querida Lilly! bjos

20 de agosto de 2012 15:39

Postar um comentário

Seja educado. Comentários de teor ofensivo serão deletados.